Anéis de Noivado

25 coisas para você saber sobre o anel de noivado

Por 13/03/2017 Sem comentários

Decidiu fazer o pedido de casamento e precisa de dicas valiosas sobre anéis de noivado? Explore uma variedade de tópicos que separamos para que você se sinta confortável para adquirir o presente mais importante da sua vida. Aprenda sobre a história, classificação, cuidados e até algumas curiosidades interessantes sobre essa joia que estará ao seu lado na hora que você disser: “Quer se casar comigo?”.

1. Qual a diferença entre anéis de noivado e alianças?

anel-de-noivado-aliança-diferenca

Anel de Noivado Uni Princess II | Aliança Antique I

Embora as duas joias simbolizem o amor entre um casal, elas possuem significados distintos e, geralmente, são utilizadas em momentos diferentes do relacionamento.

O anel de noivado é uma joia que representa o pedido de casamento: a passagem do namoro para o noivado. Esta é a joia que simboliza a grande surpresa do momento romântico em que o futuro noivo fica de joelhos diz: “você quer se casar comigo?”. Já as alianças simbolizam outro momento: o casamento. Ela já disse sim e agora não é mais hora de surpresas, mas de planejamento.

Saiba mais sobre as diferenças de anéis de noivado e alianças.

2. Use a experiência do joalheiro a seu favor

aneis-noivado-diamante-safira

Anel Oui II-Sa | Anel Uni Princess II-Sr | Anel Uni II

Um joalheiro experiente não teve apenas contato com vários e vários anéis de noivado, mas, e talvez mais importante, interagiu com diversos futuros noivos. Portanto, ele acumula a experiência que você não tem neste momento. Dúvidas que vão desde conceitos da joalheria, gosto da sua noiva até como descobrir o aro dela podem ser respondidas pelo seu joalheiro.

Se você precisa bater um papo, sinta-se à vontade para entrar em contato com a Poésie. Já participamos de centenas de pedidos de casamento. Por isso, podemos ajudá-lo a lidar com os mais diversos tipos de questionamentos que surgem durante todo o processo de compra do anel de noivado.

3. Quando surgiu o primeiro anel de noivado?

duque-maximiliano-da-austria-albrecht-dürer-anel-de-noivado-maria-de-borgonha

Anel de ouro e diamantes, Flandes, 1477 | Kaiser Maximilian I, de Albrecht Dürer, 1519 – Foto: Kunsthistoriches Museum – Viena

Tudo indica que o primeiro anel de noivado com diamantes foi dado pelo Arquiduque Maximiliano da Áustria à Maria, Duquesa de Borgonha, em 1477. Ele pediu a mão de sua noiva com um anel cravado com pequenos pedaços de diamantes que formavam a letra “M”. Esse é considerado o primeiro registro histórico de um anel de noivado. Em seguida, o costume de presentear a futura esposa com um anel de noivado virou costume entre a realeza, no entanto, era algo inacessível para a maioria da população na época, devido o alto valor dos anéis.

Que saber mais? Leia o artigo A história do anel de noivado

4. As raízes da tradição desta joia estão no Egito

O costume dos anéis de noivado tem origem no Egito Antigo. Nós usamos o anel de noivado no dedo anelar da mão esquerda, pois os egípcios acreditavam que existia uma veia que ligava esse dedo ao coração. Essa veia é popularmente conhecida como Vena Amoris, nome latino que significa “A Veia do Amor”. No entanto, é importante mencionar que todos os dedos da mão possuem veias com as mesmas características da Vena Amoris.

5. Em qual dedo se usa o anel de noivado?

anel-de-noivado-petit-solitaire-ouro-amarelo

Anel de Noivado Petit Solitaire II

A tradição diz que o anel de noivado deve ser utilizado no dedo anelar da mão esquerda, o que pode gerar um pouco de confusão, pois no Brasil existe o costume de utilizar alianças no dedo anelar da mão direita durante o noivado e, no dia do casamento, as mesmas são transferidas para o anelar da mão esquerda. No entanto, lembre-se que alianças e anéis de noivado são joias diferentes.

De qualquer maneira, nunca se esqueça que os costumes e tradições não são regras inquebráveis. Afinal o que vale mesmo é o que faz sentido para o casal. Nada impede que anéis de noivado sejam usados em dedos diferentes.

Ainda está confuso? Aprenda todos os detalhes de como usar anéis de noivado, alianças de casamento e alianças de compromisso.

6. O preço é uma decisão pessoal

Nos Estados Unidos, onde a cultura do anel de noivado é forte, existe uma regrinha que diz que o futuro noivo deve investir três meses de salario no anel de noivado. No entanto, a realidade é que essa ideia é uma invenção de marketing, criada na década de 30 pela maior fornecedora de diamantes do mundo: a De Beers.

Em se tratando de preço, você perceberá que uma boa e velha dose de bom senso será o suficiente.

É claro, todos nós sabemos que não é necessário gastar 3 meses de salário em um anel de noivado, não é mesmo? Embora um anel de noivado seja confeccionado com materiais nobres, seu real valor não pode ser medido financeiramente: a história, a dedicação e zelo estão implícitos na peça. E no final, é isso que vai realmente importar para ela.

Nesse outro artigo do blog, destrinchamos esse assunto, apresentando até mesmo algumas métricas que podem ajudá-lo a definir um valor. No entanto, a nossa principal dica é: confie no bom senso. Você, mais do que ninguém, saberá o quanto gastar para criar um momento inesquecível para o amor da sua vida.

7. Os diamantes são antigos e formados no interior da Terra

diamante-bruto-kimberlito

via Geology for Investors

Diamantes são feito de carbono puro se formaram há muito tempo, no manto terrestre, aproximadamente a 160km da superfície. Segundo estudos, os primeiros diamantes se formaram há aproximadamente 2,5 bilhões de anos. Então, a famosa frase “diamantes são eternos” faz algum sentido!

Quer aprender mais? Veja como se formam os diamantes.

8. O diamante passa por um longo processo até chegar ao seu dedo

diamante-bruto-kimberlito

Diamante bruto em um kimberlito – Foto: Deposit Photos

O diamantes são trazidos do manto terrestre para a superfície através de erupções vulcânicas violentas. Quando essa mistura de magma, minerais e fragmentos se aproximam da superfície se forma uma rocha, que tem uma formado de cone, chamada kimberlito. É nela que são encontrados os diamantes. Para cada tonelada de kimberlito extraído, um quilate de diamante é encontrado, em média.

9. O que é um brilhante?

o-que-é-um-brilhante

No Brasil, o termo brilhante é utilizado como um sinônimo para diamante. Entretanto, utilizar o termo brilhante para representar todo e qualquer diamante pode não ser adequado em todas as situações. Isso ocorre pois todo brilhante é um diamante, mas nem todo diamante é um brilhante.

Brilhante diz respeito a um tipo de lapidação para diamantes, que explora todo o potencial de brilho da gema. Embora o brilhante seja a lapidação mais comum e conhecida em joalherias, muitos diamantes disponíveis no mercado não são brilhantes. Existem diversos tipos de lapidação para diamantes, entre elas a popular 8/8 (oito oito), que possui menos facetas e, consequentemente, brilha menos, mas possui preço mais acessível do que as pedras abrilhantadas.

Portanto, antes de comprar uma joia, vale aprofundar seu conhecimento nesse assunto lendo sobre a diferença entre brilhante e diamante.

10. Seu diamante provavelmente esteve na Bélgica ou Índia

diamante-bruto

Diamante bruto – Foto: GIA

Estima-se que 80% de todo o diamante bruto disponível para comercialização é enviado para Antuérpia, na Bélgica, para serem classificados e vendidos em leilões. A qualidade das pedras é estimada, já que só é possível avaliar a real classificação de um diamante após a lapidação e acabamento da pedra. Sendo assim, os compradores de leilões estão adquirindo as gemas observando apenas o potencial que a pedra tem.

Boa porção dos diamantes disponíveis no mundo também passam pela Índia, uma vez há muitas fábricas de polimento e corte no país.

11. Diamantes são classificados pela cor, pureza, corte e peso (avaliação 4 c’s)

classificacao-diamantes-4-c

No começo do século XX, a falta de padrões claros para classificação de pedras preciosas era um dos grandes desafios da indústria joalheira. Assim, reconhecendo a necessidade de uma padronização, o GIA – Gemological Institute of America criou sistema de classificação de diamantes conhecido como 4 c’s, que classifica os diamantes de acordo com a cor (color), pureza (clarity), corte (cut) e peso (carat).

12. Você sabe o que é o ouro branco?

O ouro em sua forma mais pura é amarelo, frágil, mole e maleável demais para ser usado na fabricação de joias. Por esta razão, joalherias do mundo inteiro misturam o ouro a outros metais para criar uma liga mais resistente. O ouro que você encontra em sua joia, nada mais é do que uma liga de ouro 18k, isto é, uma liga com 75% de ouro e 25% de outros metais.

O ouro branco é o resultado de uma mistura de ouro com metais mais claros como o paládio, prata e níquel. A liga mais comum para se obter o ouro branco é formada por 75% de ouro, 12,5% de prata e 12,5% de paládio (pureza de 75% = ouro 18K). Contudo, apesar dessa ligar ter uma coloração puxada para o prata, ela ainda carrega um leve tom amarelado. Então, para atingir a cor que conhecemos, as joias em ouro branco são cobertas por uma camada de ródio, metal preciso da mesma família da platina.

Curiosidade sobre o ouro branco:

  • Foi desenvolvido originalmente para ser uma alternativa à platina, que é extremamente rara e cara.
  • Com o uso, o ródio acaba se desgastando e, com o tempo, o tom amarelado da peça começa a aparecer novamente. Não se preocupe, este inconveniente pode ser facilmente resolvido com outro banho de ródio.

13. O que é quilate?

O termo quilate é muito utilizado no universo das joias. Ele pode significar tanto peso, quanto pureza, dependendo do contexto. Para diamantes e outras pedras preciosas, o quilate é unidade de peso. Um quilate é igual a 200 miligramas (0,200 grama). Neste caso, o peso das gemas é representado pela abreviatura ct. Assim, 1ct representa 0,2g ou um quilate é igual a 0,2 gramas. Além disso, é importante saber que, quando se trata de pedras preciosas, principalmente o diamante, o termo “ponto” é amplamente utilizado. 1 quilate equivale a 100 pontos (1ct = 100 pontos ou 1 ponto = 0,01 ct).

Quando o termo quilate se refere ao ouro, trata-se de uma unidade de pureza e é simbolizado pela letra K. O ouro 24 quilates ou 24k é o ouro puro. Cada quilate indica 1/24 do todo. O padrão mais adotado para fabricação de joias é usar a liga de ouro 18K, ou seja, 18 partes de ouro e 6 partes de outros metais.

Aprenda mais em “O que são pontos?” e em “O que é quilate?“.

14. Um quilate nem sempre é igual a um quilate!

diamante-tamanho-peso-quilate-ct

Para tentar comparar anéis de noivado de modelos diferentes e até de diferentes marcas é natural utilizar o peso dos diamantes como referência. No entanto, é importante saber que pode existir uma diferença enorme entre anéis que apresentam a mesma quilatagem de diamantes.

O raciocínio é simples, duas pedras de 0,5 quilate valem muito menos do que uma pedra de 1 quilate. Isso ocorre pois a raridade aumenta de acordo com o tamanho do diamante. Além disso, não é possível transformar dois diamantes de 0,5 quilate em um diamante de 1 quilate. Portanto, o preço sobre exponencialmente com o tamanho.

Dessa maneira, na hora de fazer comparações, lembre-se que pedras maiores tem um impacto maior no valor das joias.

15. O formato de diamante mais popular é o redondo

diamante-formato-redondo

O diamante com lapidação redonda é o formato mais popular, representando aproximadamente 75% de todos os diamantes em circulação. Trata-se daquela forma clássica que vem à sua mente quando você pensa em diamantes. O formato redondo geralmente é superior a outras lapidações, apresentando maior brilho, já que suas características são projetadas para maximizar os estouros de luz.

16. A forma do diamante influencia no preço

diamante-princess

O formato redondo, por suas peculiaridades e demanda, costuma ser mais caro do que outras formas. Assim, diamantes em lapidações como a oval, pera (pear), marquise e princess, por exemplo, tendem a ser comercializadas a um preço menor do que o clássico formato redondo.

17. Como descobrir o aro da sua futura noiva?

metodos-aro-de-anel-medidas

Existem diversos métodos para medir o aro do anel, sendo que a maioria pede um anel de referência usado no dedo anelar esquerdo. Os métodos mais precisos são o bastão de anel, paquímetro digital e aneleira. Outros métodos podem ser bastante convenientes, principalmente se você está tentando conseguir essa informação em segredo. No entanto, eles podem ser pouco precisos e mais arriscados. Se você está com muitas dificuldades para conseguir descobrir essa medida, vale dar uma olhadinha em nosso artigo que reúne 9 métodos para descobrir o tamanho do aro do anel dela.

18. O anel solitário é o design supremo dos anéis de noivado

Embora seja um anel de noivado simples, este é o design que, há mais de 100 anos, foi consagrado como o símbolo máximo de pedidos de casamento. Com um belo diamante central projetado para fora de um aro liso, o solitário é o estilo de anel de noivado mais popular, representando pelo menos 30% das joias de noivado disponíveis no mercado.

anel-solitario-de-diamante-noivado-one-ouro-branco

Anel de Noivado One I

19. A cor de um diamante pode não ser visível a olho nu

Diamantes são classificados de acordo com sua cor em um ranking que vai de D, um gema totalmente incolor, a Z, um diamante com coloração amarelada. As pequenas alterações na escala de cor são muito sutis e praticamente imperceptíveis para olhos destreinados. Como variações de cor podem ter impacto significativo no preço final da joia, algumas classificações acabam impactando mais em preço do que na beleza perceptível da gema.

Se quiser aprender mais sobre o assunto, veja o artigo 4 C’s, classificação de cor de diamantes.

20. Seu anel pode ser exclusivo com gemas coloridas

anel-de-noivado-rubi-diamantes

Anel de Noivado Uni II-Ru

O diamante reina supremo no universo dos anéis de noivado. Por isso, escolher uma pedra preciosa central diferente vai destacar sua escolha da multidão com um anel de noivado único. As gemas substitutas candidatas são o rubi, esmeralda e safira, que compõem o grupo das “Big Three”, as três pedras preciosas coloridas mais desejadas.

Além disso, essas três pedras preciosas costumam ter um preço mais baixo do que o diamante. Assim, você economiza um pouco sem abrir mão de beleza e significado.

21. Dê dicas ao seu noivo

casa-romantico

Dar dicas sobre o seu gosto e modelos de anel de noivado será de grande ajuda para ele! A profundidade da dica depende muito do momento do relacionamento de vocês e da maneira como costumam interagir.

Acredite, se você desconfia que um pedido de casamento pode acontecer, ele estará atento e vai absorver qualquer informação que você passar, afinal é natural que eles fiquem um pouco perdidos na hora de adquirir um anel de noivado. Portanto, mesmo que um casamento não esteja no horizonte para vocês, se você marcá-lo em alguma foto de anel de noivado no Instagram ou Facebook, por exemplo, ainda que em tom de brincadeira, ele vai se lembrar desse momento no futuro, quando decidir fazer o pedido de casamento.

22. Você pode trocar seu anel

Há uma chance muito pequena de você não gostar do anel que seu noivo escolher. No entanto, se você se encontrar diante desta rara situação, a grande maioria das joalherias com boa reputação vai auxiliá-los com a troca para um modelo de seu agrado.

23. Ganhe mais brilho sem quebrar a banca: coroa com halo

anel-noivado-alianca-halo-diamantes

Anel de Noivado Essenza II

Agora que você já sabe que o tamanho de um diamante pode ter impacto significativo no preço dos anéis de noivado e que a gema central costuma ser a mais pesada, o grande truque é adicionar um halo de diamantes menores à coroa do anel. Assim, é possível criar a ilusão de uma gema central é maior, sem impacto significativo no valor da joia.

Entenda melhor este efeito neste artigo que descreve os anéis de noivado com halo.

24. Guarde seu anel separadamente

É recomendável guardar o seu anel de noivado separadamente, na caixa original, em saquinho de tecido macio ou em pano próprio para joias. O contato entre as peças pode danificá-lo, amassá-lo e ou arranhá-lo. Como o diamante é muito duro, seu anel de noivado também pode danificar suas outras joias.

caixinha-de-anel-com-anel-de-noivado-solitaire-1

Anel de Noivado Solitaire I

25. Rápidas dicas de limpeza

Higienizar o anel de noivado com frequência colabora para manter a beleza da joia. Isso é importante pois os diamantes têm uma propriedade interessante: eles são ímãs de gordura. Portanto, com o tempo, o contato com suor, cremes hidratantes, entre outros, vai resultar em acúmulo de gordura em sua joia, comprometendo o brilho dos diamantes. Lave o anel de noivado com sabão neutro e água morna. Use uma escovinha de cerdas macias para esfregar suavemente. O processo é simples, mas que demanda cuidado e delicadeza.

Se considerar necessário, você sempre pode entrar em contato com sua joalheria para executar uma limpeza profissional em seu anel de noivado.

Procurei muito em várias joalherias um anel que estivesse à altura do que minha futura noiva merecia. Consegui tudo isso com a Poésie. Não à toa minha noiva ouve com certa frequência e com muito orgulho: 'este é o anel mais bonito de todos que já vi'.

Kadu

Ver coleção de anéis

Compartilhe com um amigo