DiamantesJoias e Conceitos

Aprenda Sobre Diamantes: 4 C’s – Classificação de Clareza

Por 11/05/2012 Sem comentários

Como os diamantes são formados nas profundezas da Terra, sob extrema pressão e calor intenso, eles, geralmente, possuem pequenas marcas de nascimento, tanto externas – manchas -, quanto internas – inclusões. A claridade ou pureza de um diamante mede a ausência/presença dessas pequenas imperfeições.

A clareza – clarity – é uma das quatro características utilizadas pelo método de classificação de diamantes conhecido como 4 c’s, desenvolvido pelo laboratório GIA – Gemological Institute of America. Os 4 c’s – clarity, color, cut, carat – são o padrão utilizado por quase toda indústria joalheira e de diamantes.

O GIA criou uma escala de clareza que mede a quantidade de imperfeições existentes no diamante. São avaliados cinco critérios em relação às inclusões: quantidade, posição, tamanho, natureza e cor. Segundo os critérios criados pelo GIA, os diamantes devem ser analisados com lupas com 10x de aumento. Diamantes muito puros, são mais raro e, consequentemente, mais caros.

Antes de ser lapidado, um diamante é cuidadosamente estudado. O desafio do lapidador é descartar o maior número de inclusões, sem comprometer o tamanho do diamante. As imperfeições influenciam a beleza da pedra, pois elas podem modificar a cor original e afetar o brilho.

A tabela de classificação do GIA é a seguinte:

FL/IF – Flawless/internally flawless ou perfeito/internamente perfeito

Um diamante classificado como FL-IF é perfeito, quando analisado com uma lente de aumento de 10x; ou seja, não possui manchas e inclusões. Diamantes com esse grau de clareza são extremamente raros, a cada 5000 diamantes minerados, apenas 1 é classificado com FL-IF. A grande maioria dos joalheiros nunca viu e talvez nunca verá um FL-IF.

VVS1/VVS2 – Very very small inclusions ou inclusões muito muito pequenas

As inclusões de um diamante VVS são encontradas com dificuldade quando utilizadas lentes de aumento de 10x. Essas inclusões não podem ser identificadas a olho nu.

VS – Very small inclusions ou inclusões muito pequenas

As inclusões de diamantes VS podem ser identificadas por um profissional com lentes de aumento de 10x. Apenas um olho extremamente treinado pode identificar as imperfeições de um VS a olho nu.

SI – Small inclusions ou pequenas inclusões

As inclusões de um diamante SI podem ser identificadas com uma lente de aumento de 10x por pessoas inexperientes. Nos diamantes da classe SI2, é possível observar imperfeições sem o uso de lentes de aumento.

I – Imperfect ou imperfeito

Diamantes classificados como I possuem muitas imperfeições, que são visíveis a olho nu e podem influenciar a estrutura da gema. As inclusões de um diamante I também comprometem a cor e o brilho.

Procurei muito em várias joalherias um anel que estivesse à altura do que minha futura noiva merecia. Consegui tudo isso com a Poésie. Não à toa minha noiva ouve com certa frequência e com muito orgulho: 'este é o anel mais bonito de todos que já vi'.

Kadu

Ver coleção de anéis

Compartilhe com um amigo