Amor

Homens, Aprendam a Dançar!

Por 03/04/2013 março 9th, 2017 Sem comentários

Eles, os homens, não conseguem, pelo menos a maioria, entender a dança. Talvez porque tentem usar a razão para compreender coisas que estão fora do escopo do racional. Sim, o romântico é muito maior e a dança ajuda-nos não só a entendê-lo, mas também a vivê-lo. Homens, tragam a dança para o relacionamento.

A dança mexe com a alma e ensina. Nela, a relação entre o homem e a mulher é tão intensa, que não há tempo nem espaço para o pensamento. A intimidade deve ser contrabalançada com respeito. A mulher é uma rainha e deve ser tratada como tal. Assim, o homem aprende a não arrastar a sua parceira, mas conduzi-la e segui-la se necessário, mesmo que ela seja iniciante e cometa erros. É isso mesmo: condutores devem saber seguir. O grande paradoxo do bom dançarino, o homem que lidera, mas que deve sempre seguir a mulher, também se aplica a outros aspectos da vida. É a mulher que define o estilo da dança, a distância, a intimidade e ritmo. É isso que define um bom dançarino e porque não um bom parceiro em um relacionamento.

Ninguém melhor do que o Tango de Al Pacino, em Perfume de Mulher – Scent of a Woman -, para nos fazer entender os sentimentos que um bom dançarino consegue despertar.

Homens, aprendam a dançar. A dança tem muito a ensinar. Talvez ela te ajude a doar sua alma para sua parceira, que, sem dúvida, retribuirá com a dela.

anel-solitario

Procurei muito em várias joalherias um anel que estivesse à altura do que minha futura noiva merecia. Consegui tudo isso com a Poésie. Não à toa minha noiva ouve com certa frequência e com muito orgulho: 'este é o anel mais bonito de todos que já vi'.

Kadu

Ver coleção de anéis

Deixe uma resposta

Compartilhe com um amigo